Liderança bíblica eficaz

Aprendendo a liderar

Ler no livro de 1Samuel 16:1,13 1 “Então disse o Senhor a Samuel: Até quando terás dó de Saul, havendo-o eu rejeitado, para que não reine sobre Israel? Enche o teu vaso de azeite, e vem; enviar-te-ei a Jessé o belemita, porque dentre os seus filhos me tenho provido de um rei.” 13 “Então Samuel tomou o vaso de azeite, e o ungiu no meio de seus irmãos; e daquele dia em diante o Espírito do Senhor se apoderou de Davi. Depois Samuel se levantou, e foi para Ramá.”

Desenvolvimento
Depois de lermos em nossas Bíblias a passagem no livro de I Samuel 16:1 e 13, teremos como assunto: “Liderança”.

Através do exemplo em Davi:

Podemos observar que já na antigüidade quem escolhia os líderes para o povo de Deus era o nosso próprio Pai Celestial, único com sabedoria suficiente para tal ato, assim como acontece hoje em dia.

Alguns são bons líderes e alguns tornam-se maus líderes, principalmente por não seguirem os preceitos de Deus, mas exaltando-se a si próprio, como foi o caso de Saul, começou bem, mas, terminou mal.

Uma certeza podemos ter, Deus permite a ambos estarem no poder com algum propósito, tanto o bom, como o mau, como já observamos no estudo da lição da Escola Sabatina do trimestre passado, onde estudamos sobre os reis do povo de Israel.

Muitas vezes, é exercendo um cargo de liderança, que podemos mostrar as pessoas quem realmente nós somos: bons ou maus, ou qual realmente é a nossa capacidade de organização, trabalho, espiritualidade e consagração. Talvez este seja um dos motivos de Deus permitir a ambos, bons e maus líderes, exercerem um cargo de liderança dentre Seu povo ou na Sua igreja.

Liderança Secular e Eclesiástica

Definição de Liderança Secular:
Liderança é o ato de influenciar as pessoas a fim de fazerem o que o líder quer dentro da escala administrativa. Liderança é um relacionamento entre líderes e pessoas que eles aspiram liderar.

Definição de Liderança Eclesiástica:
Liderança na Igreja é o ato de “elevar a visão” do liderado ou membro da igreja a um conceito “superior” , ampliar o desempenho do homem ao mais “elevado padrão” , edificar a personalidade do homem além de suas limitações comuns, ou seja: O verdadeiro líder da igreja de Deus, deve deixar de lado as pequenas intrigas, pecuinhas e coisas deste tipo e ajudar a unir todos os liderados num mesmo objetivo que é o de elevar o caráter e a forma de pensar dos membros da igreja ao mesmo caráter e forma de pensar de Cristo, que eram Amor, benignidade, mansidão etc.

O que é elevar a visão do liderado, fazer com que o mesmo tenha um conceito superior e um elevado padrão? É fazer e ensinar ao mesmo com que ele enxergue a Cristo e siga assim o exemplo que nos deixou quando partiu desta terra.

A liderança Cristã é motivada pelo amor e entrega para servir. É a liderança sujeita ao controle de Cristo e seu exemplo.

Quais as 7 coisas positivas que um VERDADEIRO líder Cristão faz:

Motivar,
Incentivar,
Delegar Responsabilidade,
Comandar,
Organizar,
Ouvir,
Dar Exemplo.

Quem é modelo máximo como líder: Deus!

Uma filosofia Cristã de liderança inicia com uma compreensão de Deus e seus atos com relação as pessoas.

O Perfil de um líder espiritual: (O que é ?) Exemplos através de…

Moisés: Comprometido, Humilde, Perseverante, Participativo, Vicário (Substitutivo), Visionário, Hierárquico,

José: Honesto, Otimista, Irrepreensível, Visionário, Competente.

Daniel: Determinado a obediência Divina, Dotado de um espírito excelente, Fiel, Sem erro e culpa.

Esdras: Profundo conhecedor da lei de Deus, homem de confiança e respeito.

Neemias: Organizado, apegado à Palavra, Corajoso para tomar decisões.

Paulo: Visonário, Estrategista, Sabia delegar, Trabalhava em equipe, Dava crédito a Deus e aos outros.

Lucas: O médico amado era servo de Deus e amigo da juventude, era exemplo de mordomo.

Barnabé: Conciliador, Acreditava no potencial da juventude, Exemplo de mordomo.

Pedro: Corajoso, impulsivo, Humilde.

Que todos NÓS líderes, possamos ter um pouquinho destes perfis. Um pouquinho de Moisés, José, Daniel, Esdras, Neemias, Paulo, Lucas, Barnabé e Pedro, para assim podermos servir ao nosso Deus com honra e glória.

Liderar é: Aceitar o chamado de Deus: Lembremo-nos, nenhum líder é escolhido para seu cargo por vontade própria ou dos outros.

Aceitar e manifestar o Dom de Deus: Se aceitamos com alegria o chamado de Deus, manifestemos todo o Seu amor e vontade de servir aos nossos irmãos e a nossa igreja.

Exercer o ministério que foi confiado: Devemos com alegria honrar esta escolha divina e sem indecisões exercer o nosso trabalho.

O que os liderados esperam dos líderes?

1-Que conheçam e pratiquem os três princípios básicos da liderança: Cuidem de si mesmo, Cuidem dos outros e Cuidem da tarefa que lhe foi proposta.

2-Que respondam a quatro perguntas: Podemos confiar em você? Você sabe aonde devemos ir? Você pode nos levar até lá com segurança? Você se preocupa conosco?

3-Que atinjam o perfil esperado de um líder.

4-Que tenham em vista seis áreas básicas de atividades: O relacionamento com as pessoas, A organização eficiente da igreja, A realização dos objetivos propostos, Pensamento com base na observação, na coleta de dados, reflexão sobre fatos e conceitos, racio0cínio e julgamento equilibrado.

5-Enxergar o futuro.

6-Perseverança.

Características dos líderes admirados pelos liderados: Em pesquisa realizada com membros de diversas igrejas, várias características foram encontradas com relação a admiração dos membros pelo bom líder.

As cinco mais ressaltadas foram: Honestidade, Antecipa acontecimentos, Inspirador, Competente e Justo.

Quem dá autoridade ao líder: Ler João 19:11 ” Respondeu-lhe Jesus: Nenhuma autoridade terias sobre mim, SE DE CIMA NÃO TE FORA DADO; por isso aquele que me entregou a ti, maior pecado tem.” Somente Deus pode nos dar toda a autoridade e poder.

AUTORIDADE: É o direito que o líder tem ou ganhou de Deus através dos liderados de fazer alguma coisa, de decidir a favor ou contra algo ou alguém, de agir em nome de e a favor ou contra.

Poder: É a habilidade que o líder tem ou ganhou de Deus através dos liderados de fazer alguma coisa ou impedir algo de ser feito.

Estilos de liderança:

Nós líderes, podemos exercer vários estilos de liderança, aqui estão colocadas algumas delas:

Autocrática: O líder decide sozinho e dá ordem as pessoas.

Persuasiva: O líder toma a decisão sozinho, mas apresenta motivos para que seja seguida.

Associativa: O líder não toma decisões ou opina sobre as mesmas, é apenas mais um do grupo que toma as decisões.

Democrática: O líder não toma decisões antes de consultar os liderados e deles receber sugestões que de fato influenciarão a decisão a ser seguida.

Baseado nestes estilos de liderança, qual foi o estilo de liderança de Jesus Cristo?

Nunca se esqueçamos, o melhor estilo é o Democrático, mas, as vezes, em certas situações, nós líderes devemos adotar também os outros estilos.

Quem é a autoridade máxima da igreja?
Somente Deus é a fonte e a base de autoridade para a igreja, Ele delegou autoridade aos seus profetas e apóstolos.

A Comissão como liderança da igreja:

Qual a principal responsabilidade da Comissão da Igreja?

É a nutrição espiritual da igreja e a obra de planejar e promover o evangelismo em todos os seus aspectos.

Isto está realmente sendo feito? Estamos nutrindo a nossa igreja espiritualmente, resgatando as pessoas das garras do inimigo, buscando devolta os nossos irmãos afastados ou estamos preocupados com interesses próprios e individuais e através de maus exemplos, intrigas e picuinhas afastando as pessoas de Deus, deixando assim de seguir o principal propósito da comissão da igreja que é a Nutrição Espiritual! Reflitamos nisso!

Como deve ser um líder?
É necessário portanto que um líder (ancião, diácono, etc…) seja irrepreensível, esposo uma só mulher, temperante, sóbrio, modesto, hospitaleiro, apto para ensinar, não dado ao vinho, não violento, porém cordato, amigo do bem e hospitaleiro, inimigo de contendas, não violento, não avarento, não arrogante, não se ire com facilidade, não dado ao vinho, não violento, não seja cobiçoso, que governe bem a sua própria casa, criando os filhos sob disciplina, com todo o respeito, que tenha filhos crentes sem serem insubordinados. Não seja neófito e que ele tenha BOM TESTEMUNHO DOS DE FORA.

Reflitamos nestas orientações, e se algumas delas aqui colocadas está nos faltando, que como líderes de nossa igreja e representantes de Deus, possamos mudar para os moldes divinos aqui propostos e exercermos um bom testemunho, tanto para os de dentro como para os de fora.

E sobre a contenda entre irmãos?
Nunca deve o obreiro considerar virtude a persistente conservação de sua atitude de independência, contrariamente a decisão do corpo geral.

Como membros da igreja visível e obreiros na vinha do Senhor, todos os cristãos professos devem fazer tanto quanto possível para preservar a paz, a harmonia e o amor na igreja.
Acateis com apreço os que trabalham entre vós, e os que vos presidem no Senhor e vos admoestam; e que os tenhais com amor em máxima consideração, por causa do trabalho que realizam. Vivei em paz uns com os outros.
Divisões na igreja desonram a religião de Cristo ante o mundo e DÃO OCASIÃO AOS INIMIGOS DA VERDADE PARA JUSTIFICAR O SEU PROCEDIMENTO.

Lemos no livro PARA VOCÊ QUE QUER SER LÍDER do meu curso de Teologia com o título UM LÍDER DE VERDADE:

Um líder de verdade AMA os seus HOMENS e seu povo. O amor ensina como fazê-lo.

Um líder de verdade SE OFERECE E SE DÁ PELOS HOMENS e pela obra visando o sucesso.

Um líder de verdade NÃO É DESCONFIADO, MAS MANIFESTA CONFIANÇA nos seus homens.

Um líder de verdade IDENTIFICA-SE COM OS SEUS HOMENS e com o seu povo.

Um líder de verdade VISITA OS SEUS HOMENS e permanece com eles.

Um líder de verdade levará os débeis NO SEU CORAÇÃO e sobre os seus ombros.

Um líder de verdade, quando a adversidade provém, ESTARÁ LÁ PARA RECEBER O GOLPE.

Um líder de verdade ANTECIPA AS NECESSIDADES E SERVE.

Um líder de verdade NÃO PODE SER EGOÍSTA.

Um líder de verdade CRÊ NA SUA OBRA como uma vocação e não como trabalho.

Um líder de verdade É DESPRENTECIOSO E SINCERO; nunca pomposo.

Um líder de verdade DIRIGE sem que as pessoas saibam o que ele faz.

Um líder de verdade É CORAJOSO e se engrandece quando enfrente oposição.

Um líder de verdade torna-se água fria em vapor e SEGUE EM FRENTE.

Um líder de verdade INSPIRA OS HOMENS e infunde entusiasmo.

Um líder de verdade É EFICAZ e conserva-se em dia. Sempre se mantém na vanguarda.

Um líder de verdade NUNCA PASSA A CULPA para outro.

 

00

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*