A descendência de Abraão

Autor: Desconhecido
Há uma discussão entre Árabes e Judeus para arrogar para si a exclusividade em serem descendência do Patriarca Abraão. Afinal, quem é a descendência de Abraão? Queremos dizer que nem Árabes, nem Judeus são descendência de Abraão, pois na concepção divina a carne para nada aproveita, conforme ensinado pelo Senhor Jesus no Evangelho de João 6:63. João Batista ensinando acerca da irrelevância da origem racial diz que Deus pode até das pedras suscitar filhos a Abraão, devendo então os Judeus, produzirem frutos dignos de arrependimento(Mateus 3:8,9).
Quem, então, é a descendência de Abraão? De acordo com o Apóstolo Paulo, não há descendência, mas sim Descendente, porque em Gálatas 3:16 está escrito: “Ora, a Abraão e a seu Descendente foram feitas as promessas; não diz: E a seus descendentes, como falando de muitos , mas como de um só: E a teu Descendente, que é Cristo.” A tradução que diz posteridade, mesmo que no singular, não cabe, pois dá uma idéia de coletivo, tampouco cabe a tradução que diz descendência, haja vista o Apóstolo finalizar dizendo que é Cristo, ou seja, gênero masculino, número singular.
Afirmamos que, com fulcro na passagem de Gálatas 3:16, somente o Senhor Jesus é o Descendente de Abraão, sendo o único portador das promessas. Em Hebreus 1: 2, diz que o Senhor Jesus é o Herdeiro de Todas as Coisas, de tudo, conforme a tradução Corrigida. Ora, sendo Cristo o herdeiro de tudo, não sobrou nada para ninguém.
Sendo Deus misericordioso, o Senhor proveu um modo de conceder aos homens( a qualquer homem) parte nessa herança, cuja condição sine qua non para ser co-herdeiro é crer em Cristo como seu único e suficiente salvador, tornando-se assim um filho de Abraão(Gálatas 3:7), porque todos os que quiseram se autoproclamar filho de Abraão, tendo a origem racial como parâmetro, foram reprovados pelo Senhor Jesus, conforme lemos em João 8:39,40. Conforme dissemos, tornamos a repetir: É condição indispensável para ser filho de Abraão crer em Jesus Cristo.Paulo, o Apóstolo, confirma isso ao iniciar Gálatas 3:29 com a condicional SE, pois diz: “ Se sois de Cristo, então sois descendência de Abraão e herdeiros conforme a promessa. Veja que agora o referido Apóstolo deixa de falar em promessas, para falar em promessa, Por que será? Respondemos que Paulo se refere à vida Eterna, conforme I João 2 : 25, que diz: “ E esta é a promessa que ele nos fez: A vida eterna.” Somente quem pensa nas coisas que são de baixo e não nas que são de cima, pode interpretar que se trata de terras físicas no Oriente médio.
O mais revelador de Gálatas 3:29 é a analogia que podemos fazer com Êxodo 19:5. Tanto uma como a outra passagem usam a condicional SE, bem como a conclusiva ENTÃO. Observe, porque transcreveremos in totum. Primeiramente Êxodo 19:5:” Agora, pois, se atentamente ouvirdes a minha voz e guardardes o meu pacto, então sereis a minha possessão peculiar dentre todos os povos, porque minha é toda a terra.” Agora Gálatas 3:29: “ E, se sois de Cristo, então sois descendência de Abraão e herdeiros conforme a promessa.”
Israel carnal só seria povo de Deus se guardasse o Pacto, tendo-o transgredido continuamente, até que na transgressão máxima, ou seja, na rejeição de Cristo, foram definitivamente rejeitados por Deus como seu Povo. O ser humano só pode ser filho de Abraão, se crer em Cristo, tornando-se assim herdeiro da Vida eterna.

www.melquisedecn.hpg.com.br
*

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*